Paul Deliège

Desenhador, Argumentista
(Bélgica) Olne, 21 de Janeiro de 1931 - Liège, 7 de Julho de 2005


Paul, ou Pol, Deliège é um artista da revista Spirou da década de 60 até aos meados de 90. Como representante da chamada Escola de Marcinelle, Deliège é mais conhecido pelas suas séries Bobo e Os Krostons. Nascido em Olne, trabalha numa fábrica têxtil até 1957, fazendo um curso de arte por correspondência do ABC, em Paris. As suas primeiras BD’s, Félicien et les Romanis e Le Père Bricole, aparecem no jornal belga Le Soir em 1955.
Em 1958, ingressa nos estúdios da Dupuis, onde trabalha na legendagem de Robbedoes, a edição flamenga de Spirou. Faz a sua estreia na revista Spirou no mesmo ano, com dois contos com o seu personagem Félicien. Em 1960, inicia a sua série Théophile et Philibert. A série dura três episódios até 1962, sendo as duas últimas histórias escritas por Vicq. Em 1963, cria a série humorística Hercule et les autres. Deliège posiciona-se como um dos principais artistas da secção de mini-livros da revista Spirou da década de 60. A sua criação mais notável para esta secção foi o prisioneiro Bobo, que se estreou em 1961. As histórias foram escritas por Maurice Rosy, com quem também criou Félix(1965) e Bébert (1963).
Deliège permanece como um dos mais destacados autores de "mini-récits" até os anos 70 com novos personagens como Cabanon (1965-1967) e Superdingue (1967-1972). Também é um argumentista produtivo para outros artistas, incluindo Lagas (Sam et l'Ours, 1968-75), Salvérius (Petit-Cactus, 1968-69), Bissot Noël (Youk et Yak, 1968 - 70), Raymond Macherot (Sybilline, 1972-1976) e Mittéï (Bonaventure, 1980).
Deliège junta-se ao colega artista Arthur Piroton em 1968 para criar Les Krostons, uma nova série sobre três pequenas criaturas determinadas a dominar o mundo. Deliège e Piroton escrevem e desenham o primeiro episódio para a revista Spirou sob assinatura conjunta Max Ariane, e a série é continuada exclusiva e numa base irregular por Deliège entre 1969 e 1983. 
Na parte final da sua carreira, trabalha com David Deth num BD humorística (L'envahisseur) de 1994 a 1996. Pol Deliège continua a série Bobo, até se aposentar em 1996, libertando o seu prisioneiro no episódio final na revista Spirou #3057. 


Séries publicadas em Portugal:

[actualizado a 9-2-2015]
Esta página destina-se a compilar a banda desenhada publicada nas revistas portuguesas do século XX. Os dados constantes desta base de dados foram retirados das revistas, álbuns, bibliografia especializada e páginas da Internet. As informações constantes desta base de dados não se consideram completas, sendo meramente uma comparticipação do autor para o estudo da banda desenhada publicada em Portugal. Contudo, as bases de dados estão em permanente actualização. A catalogação dos episódios está, quando possível, ordenada por ordem cronológica da sua edição no país de origem. Nos autores, o primeiro nome refere-se ao desenhador. O ano refere-se à primeira publicação do episódio. Desde já, agradeço quaisquer colaborações para o desenvolvimento desta página, enviando correcções, aditamentos ou sugestões através do formulário da página.