Patrice Serres

Desenhador, Argumentista
(França) Paris, 13 de Outubro de 1946


Patrice Serres faz a sua estreia no France-Soir com La route de Corinto Le Max Menteur. Em seguida, muda-se para os EUA, onde ajuda Frank Robbins em Johnny Hazard, regressando a França em 1967. Depois de várias histórias curtas na Pilote e Formule 1, Serres inicia Yves Sainclair, uma série da aviação com Claude Moliterni para a Phenix. Após a morte de Jijé, Patrice Serres assume a arte de Tanguy e Laverdure. Simultaneamente, torna-se produtor de televisão e chefe da revista Hara-Kiri. Na década de noventa, Serres faz Kim Wolf para a DargaudLes Fourmis para a revista L’Echo des Savanes.



Séries publicadas em Portugal:

[actualizado a 22-2-2015]
Esta página destina-se a compilar a banda desenhada publicada nas revistas portuguesas do século XX. Os dados constantes desta base de dados foram retirados das revistas, álbuns, bibliografia especializada e páginas da Internet. As informações constantes desta base de dados não se consideram completas, sendo meramente uma comparticipação do autor para o estudo da banda desenhada publicada em Portugal. Contudo, as bases de dados estão em permanente actualização. A catalogação dos episódios está, quando possível, ordenada por ordem cronológica da sua edição no país de origem. Nos autores, o primeiro nome refere-se ao desenhador. O ano refere-se à primeira publicação do episódio. Desde já, agradeço quaisquer colaborações para o desenvolvimento desta página, enviando correcções, aditamentos ou sugestões através do formulário da página.